Entrevista com aluno-escritor curso de Letras
Letras
17/01/2019
O aluno do curso de Letras do UniPinhal Ricardo Biazoto, é um exemplo muito bacana para ilustrar maneiras de utilizar o seu curso de formação superior, para ampliar sua capacidade de atuação na sociedade. Em entrevista cedida ao nosso departamento de marketing, o aluno conta um pouco de suas atividades como escritor desenvolvidas nos últimos anos, e como o curso de Letras do UniPinhal pode contribuir com sua jornada.
Ricardo diz que seu interesse pela Literatura começou ainda na infância, quando conheceu as obras do Sítio do Pica-Pau Amarelo e se apaixonou por todas as histórias contadas por Monteiro Lobato, mas isso se fortaleceu mesmo na adolescência, ao conhecer dois outros escritores que muito influenciaram o seu trabalho: Dan Brown e Agatha Christie.
Ao conhecer esses escritores, a vontade de contar histórias foi despertada, começou a escrever meus primeiros textos e enviá-los para a avaliação de editoras que publicam antologias com autores iniciantes. Até hoje foram cerca de 15 publicações, por diversas editoras, e essas publicações abriram outras portas, como sua por cinco anos na Casa do Escritor Pinhalense “Edgard Cavalheiro”, além de projetos de peças teatrais com a Cia. Viva Arte — grupo teatral de Espírito Santo do Pinhal —, e até mesmo a organização e edição de livros.
A última publicação de Ricardo foi no livro “Metades” (Andross, 2018), antologia organizada pelo escritor Leandro Schulai e publicada pela Andross Editora. O livro reúne contos de amor de diversos autores, com experiência ou não no mercado editorial. Para o próximo ano, o projeto de escrever um romance infantojuvenil ambientado em Espírito Santo do Pinhal e explorando as lendas da nossa cidade é algo que nos deixa instigado, mas Ricardo diz que irá participar também do livro “King Edgar Plaza”, terceiro volume de uma trilogia organizada pela Andross Editora — antes disso, participou do primeiro volume, “King Edgar Hotel” (Andross, 2015).
A intenção de criar o Plano do Livro e Leitura surgiu após a elaboração de um projeto para captação de recursos, via Ministério da Cultura, quando constatamos que as cidades com o plano ganhariam pontos, o que poderia ajudar Pinhal a conseguir esses e outros recursos vindos dos governos Estadual e Federal. Devido a isso, como representante do segmento Literatura no Conselho Municipal de Política Cultural, e juntamente com a nossa presidente, Carla Augusta de Figueiredo Moraes, o aluno Ricardo apoiou a ideia da realização de um chamamento público para reunir interessados em colaborar com a confecção do Plano, que visa tornar as ações de incentivo à leitura e escrita muito mais democrática e acessível a todos os cidadãos pinhalenses.
Uma das formas de tornar esse acesso democrático é a realização de ações, como as palestras e oficinas de Escrita Criativa que realizamos nas dependências das bibliotecas municipais — as minhas oficinas, para o público jovem adulto, e as oficinas da Thalita Del Giudice, do curso de Pedagogia da UniPinhal, para crianças em fase de alfabetização.
A contribuição de Ricardo, portanto, se dá através da realização de palestras, oficinas e de confecção de projetos de incentivo à leitura para crianças e adolescentes, sempre mostrando aos alunos a importância por trás da leitura e da escrita, que podem ser prazerosas e muito divertidas.
Sobre o momento cultural que nossa cidade vive, Ricardo acredita que Pinhal, entre as cidades da região, vive um momento cultural privilegiado e muito disso se deve aos próprios artistas (escritores, músicos, artistas plásticos, atores etc), que não medem esforços para fazer cultura em seus mais diversos segmentos. Além das pontuais atividades culturais proporcionadas pelo poder público, temos muitas ações particulares, como, por exemplo, a Cia. da Hebe (uma referência regional) e os três grupos teatrais do município. É através de pequenas ações, como essas, que a cultura pinhalense tende a se fortalecer cada vez mais e assim, quem sabe, se tornar também uma referência. Isso não significa que não há o que melhorar e esse é o papel do Conselho Municipal de Política Cultural, com suas metas e ações para serem cumpridas até 2026 nos mais variados setores culturais da cidade e sempre buscando o melhor para a Cultura pinhalense.
Ricardo pontua que o curso de Letras ajuda especialmente na compreensão do papel da linguagem em todo esse processo de composição de uma obra literária, mas também a aproveitar de maneira mais eficaz os recursos linguísticos e gramaticais que um escritor tem a sua disposição. Como toda expressão artística, a Literatura pode sim ocorrer de forma “autodidata”, porém um curso como o Letras UniPinhal, que tem um foco muito grande na Literatura, amplia o conhecimento e, como escritor, isso pode ser um grande diferencial. Por isso Ricardo espera conseguir com o curso uma bagagem muito maior de conhecimento, técnicos ou de experiências literárias, ao se aprofundar em grandes pensadores e obras de importância universal e com isso melhorar a minha forma de fazer Literatura.
Ricardo finaliza a conversa ressaltando que acredita que todo aluno de licenciaturas tem a contribuição social como a mais importante de todas, sendo possível exercê-la ainda durante o curso (como é o caso de alguns colegas de curso, que em datas especiais realizam atividades recreativas em escolas do município). Como futuros professores, todos nós teremos um papel essencial na formação intelectual e social de muitas pessoas, algo que é reforçado diariamente com a “universalidade” do ensino superior e o compromisso social que uma universidade deve desempenhar.

Veja imagens abaixo:

últimas notícias
Pedagogia e Letras
06 de Fevereiro, 2019
Na noite de 04 de fevereiro de 2019, o professor da Unicamp, Dr. Leandro Karnal, proferiu uma palestra na Unipinhal: “Educando no Mundo Líquido”. Tivemos a oportunidade de ouvir e, finalmente entender porque o professor Karnal é um dos palestrantes mais requisitados do Brasil. Karnal aponta-nos uma necessidade de educar em um mundo de permanentes...
Leia Mais
Unipinhal
05 de Fevereiro, 2019
UniPinhal inicia atividades de capacitação docente e planejamento do ano letivo com palestra sobre OS DESAFIOS NO ENSINO SUPERIOR: a evolução contínua no papel dos professores num mundo hipercompetitivo em mudança. A participação dos docentes e equipes gestoras na palestra é mais uma forma de investir na formação docente...
Leia Mais


A UniPinhal se renova, cresce e espera por você!

Unidades

Campus I
Av. Hélio Vergueiro Leite, s/n
Jardim Universitário
(19) 3651-9600

Biblioteca
(19) 3651-9614

Secretaria
(19) 3651-9600

SAC
0800 - 70 70 701

Campus II
Av. Antonio Costa, s/n
Jardim Universitário
Saída para Jacutinga

Hospital Veterinário
(19) 3651-3704
(19) 3661-2405

Sítio Experimental

Laboratório Gastronomia

Campus III
Av. Antonio Costa, s/n
Jardim Universitário

Centro Esportivo e Lazer

© Copyright 2019 departamento de
Marketing UniPinhal / CTI
Contate-nos

0800 - 70 70 701
www.unipinhal.edu.br

Endereço

Av. Hélio Vergueiro Leite, s/n
Jardim Universitário
Espírito Santo do Pinhal/SP
CEP 13990-000